Esqueci minha senha cadastre-se

Clínica de Urologia e Sexologia Mogi das Cruzes, São Paulo

Encontre Clínicas de Urologia e Sexualogia de Mogi das Cruzes. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região,aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Lycurgo Tostes de Andrade
(43) 3323-9784
Duque de Caxias 1980 - 204
Londrina, Paraná
Especialidade
Medicina Legal

Dados Divulgados por
Luciana Campos Nascimento
(11) 9114-6454
Rua Dr. Veiga Filho 351 - Cj. 181
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Legal

Dados Divulgados por
Paulo Roberto Aben Athar Veiros
(11) 4025-0386
Rua Convenção 550 - Subsolo
Itu, São Paulo
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Arturo Frick Carpes
(11) 5573-1970
Alameda dos Nhambiquaras 159.
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Cirurgia Cranio-Maxilo-Facial

Dados Divulgados por
Joao Miguel Amorim Junior
(18) 3722-4960
R Mato Grosso 1100
Andradina, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Marcos Welber Nascimento
(11) 4892-1233
Av Antonio Pires Pimentel 1002
Braganca Paulista, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Jose Ribeiro de Menezes Netto
Rua Barao de Itapura 1518
Campinas, São Paulo
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Gisele Cristine Teixeira Barbosa
(11) 3081-5973
Rua Rubião Meira 42
São Paulo, São Paulo
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Wesley Roberto Rafael
(19) 3272-0489
Rua João Felipe Xavier da Silva 384
Campinas, São Paulo
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Maria Cecilia Ferro
(11) 3232-8624
Rua Cel Jose Pedro de Oliveira 710
Sorocaba, São Paulo
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica de Urologia e Sexologia

Fornecido por: 

Os homens também têm dificuldade em atingir o orgasmo. Segundo o Projeto de Sexualidade do Hospital das Clínicas de São Paulo (Prosex), pelo menos um quarto das mulheres sofrem com a anorgasmia. Entre os homens, é difícil mensurar. As poucas estatísticas vêm dos consultórios médicos, que começam a receber pacientes em busca de ajuda.

A anorgasmia não significa qualquer alteração fisiológica. O problema é que não há prazer associado à ejaculação. Não há a descarga energética que vem com o orgasmo, explica o sexólogo Arnaldo Risman, da Universidade Aberta à Terceira Idade (Unati) da Uerj.

Segundo o urologista Joaquim de Almeida Claro, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), para compreender a disfunção, é preciso dissociar a ejaculação do orgasmo. Ele explica que, fisiologicamente, são dois processos diferentes que podem ocorrer juntos ou não.

Tanto que o pênis funciona normalmente, fica ereto e ejacula. Às vezes, o bloqueio sensorial é tão grande, que o órgão sexual executa tudo a que é mandado, inclusive emite sêmen, mas o cérebro não sente o prazer do orgasmo, completa o urologista e terapeuta sexual Celso Marzano.

A anorgasmia está associada, principalmente a pressões psicológicas, como estresse, problemas sociais e econômicos, sem contar a cobrança social e cultural de que o homem seja sexualmente ativo.

O caráter efêmero das relações na atualidade, a falta de intimidade, cumplicidade e paciência entre os casais também contribuem para agravar o proble...

Clique aqui para ler este artigo em Cada Dia e Você